Manutenção de cabos de aço

Manutenção de cabos de aço

Manutenção de cabos de aço

Manutenção de cabos de aço

Muito utilizados em equipamentos de transporte e na elevação de cargas, como elevadores, os cabos de aço sempre trabalham sob tensão. Sua inspeção é uma atividade especializada. Entretanto, todos podem colaborar e acionar a manutenção antes que acidentes ocorram.

Sinais de risco:

• Corrosão, desgaste ou cocas? Um cabo com cocas (torções) deve ser tirado de serviço e sucateado.
• Existem os quebrados visíveis? Isso deve ser avaliado tecnicamente.
• O cabo está lubrificado? As falhas de lubrificação levarão ao enrijecimento e à corrosão. Os os de cabo estão sempre se movendo internamente e necessitam de lubrificação. Desse modo, a “alma” do cabo estará protegida também.
• Como estão os olhais, grampos e acessórios fixados ao cabo? Todo acessório danificado deve ser substituído.
• Os fatores de segurança são conhecidos e as boas práticas seguidas.
• Na existência de qualquer evidência de esmagamento, abrasão ou desgaste grande, ou quando se forma a “gaiola de pássaro”, deformação visível ou se o cabo foi parte de um curto-circuito, o
mesmo deve ser tirado de serviço.

 

Manuseio e estocagem:

• Manter em local livre de resíduos e sujeira;
• Com fácil visualização para inspeção e acesso;
• Manuseie evitando a formação de cocas ou torção.

 

PPRA PCMSO PCMAT Laudos PPP NTEP/FAP CIPA Ergonomia Ambulatórios Exames Médicos Treinamento CIPA

 

Manutenção de cabos de aço – Download Baixar