Clinica Medicina do Trabalho

Clinica Medicina do Trabalho

Nossa clínica medicina do trabalho e Medicina Ocupacional lida com a prevenção e tratamento de lesões e doenças que ocorrem no trabalho ou em ocupações específicas. Isso envolve o retorno dos trabalhadores acidentados à saúde e ao emprego remunerado em sua ocupação escolhida. Lesões do sistema musculoesquelético são as condições mais comumente tratadas, mas a Medicina do Trabalho envolve muito mais.

MedNet Clínica medicina do trabalho São Paulo SP

Nossa clínica medicina do trabalho realiza desde exames de drogas e álcool até programas de bem-estar, pois nosso foco principal é a saúde e bem-estar dos seus funcionários. A MedNet oferece uma ampla gama de serviços de saúde ocupacional para ajudá-lo a manter uma qualidade no ambiente de trabalho, ao mesmo tempo em que reduz o custo total dos cuidados de saúde para sua empresa e seus funcionários. Nossa equipe de especialistas altamente qualificados em saúde ocupacional trabalha em estreita colaboração com organizações únicas na implantação de programas para o cumprimento das Normas Regulamentadoras (NR), tais como: PPRA = NR 9 / PCMSO = NR 7 / PCMAT= NR 18 / CIPA = NR 5 / Ergonomia= NR 17 vistoriando o cumprimento das mesmas, nossa clínica medicina do trabalho oferece serviços para empregadores e funcionários, incluindo assistência relacionada a acidentes de trabalho, Laudos, cursosErgonomia, Ambulatórios, Examesexame admissional, exame demissional, exames médicosEntendemos que seus funcionários são seu maior patrimônio e nossa equipe de fornecedores está comprometida em ajudar a manter sua organização saudável e produtiva.

 

Clinica Medicina do Trabalho

Clinica Medicina do Trabalho

A melhor clínica medicina do trabalho

Sendo a melhor clínica medicina do trabalho, nós da MedNet nos destacamos pela nossa equipe de profissionais de Médicos e Engenheiros do Trabalho treinados e certificados para auxiliar a sua empresa desde a projeção da implantação, realizando vistorias e análises ambientais, até a apresentando a real na situação da segurança do ambiente de trabalho da sua empresa.

Como uma clínica medicina do trabalho, a MedNet fornece serviços de medicina ocupacional um programa de gerenciamento abrangente e eficaz para empresas de qualquer porte, grandes ou pequenas. Nossa equipe colaborará com você para ajudar:

Entre diversos outros programas e melhorias para empresas que queiram implantar promovendo a melhora no ambiente de trabalho e no cumprimento da lei.

 

Entre em contato Conosco e solicite um atendimento!

 

A clínica de Medicina do Trabalho de uma empresa tem como finalidade precípua zelar pela saúde do trabalhador, promovendo o seu bem estar físico, mental e social, visando paralelamente a continuidade operacional e o aumento da produtividade.

Tal desiderato só será atingido quando a empresa dispuser de mão de obra trabalhadora o mais hígida possível. Todavia, o apogeu ideal dessa higidez nem sempre é possível de ser atingido, em face de vários fatores, sobejamente conhecidos, existentes em nosso meio. Porém, é sempre possível, através da instituição de parâmetros mínimos, obter se o que se deseja.

A inflexibilidade quanto a esses parâmetros nem sempre é produtiva, porquanto devemos levar em conta que atrás das decisões da clínica de Medicina do Trabalho da empresa repousa um universo de problemas diversos de natureza socioeconômica.

Uma definição conclusiva da clínica de Medicina do Trabalho da empresa deve ser muito bem balanceada e dotada de forte dose de bom senso e, sobretudo, de justiça, apoiando se não somente nos aspectos estritamente técnicos, mas também levando-se em consideração especialmente os aspectos sociais e humanos. A clínica de Medicina do Trabalho deve sempre manter-se na neutralidade, no meio termo, porque, se assim não proceder, automaticamente penderá a balança de suas decisões exclusivamente para um lado.

A empresa, seu empregador, está de um lado, e, do outro, o operário; o fiel dessa balança deve ser mantido de modo equidistante. Norteado por esse princípio básico, o médico do trabalho poderá desenvolver um trabalho profícuo dentro da empresa, atendendo ao mesmo tempo às necessidades exigidas pelo seu empregador e, antes de tudo, preservar aquilo que é mais caro para a sociedade e a nação, isto é, o Homem. Na preservação, na manutenção e na recuperação da saúde dos trabalhadores encontra-se a razão da existência da clínica de Medicina do Trabalho.

Por sua vez, o trabalhador deve ser considerado em sua individualidade e definido como um ser biológico e espiritualmente singular, significando que suas características próprias devem ser consideradas durante o tratamento de seus problemas. Por outro lado, o médico do trabalho deve exercer suas atividades baseado nos parâmetros estabelecidos pelo Código de Ética Médica, tendo sempre em mente que seu primeiro dever moral e profissional é dirigido para a integridade e a saúde daqueles que constituem a comunidade sob sua responsabilidade.

O zelo pela saúde do trabalhador inicia-se na empresa pelo

Exame Médico Admissional e continua pelo Exame Médico Periódico.

Não são todos os que veem nos exames médicos admissional e periódico a intenção de se proteger o homem. Procuram, apenas inspirados por uma filosofia pragmática, convencer os empresários da necessidade e das vantagens de exames seletivos rigorosos, a fim de reduzirem o absentismo e, como consequência, aumentar a produtividade. Visto por esse prisma, ou seja, não se tendo em vista a adequação do homem, várias consequências negativas podem advir, tais como o aumento dos encargos sociais previdenciários, desemprego, marginalização, problemas de ordem individual e familiar etc.

Em tese, os exames médicos admissional e periódico têm um objetivo comum, que é a adequação do homem à função. Atingida essa adequação, aproveitando-se inclusive candidatos parcialmente incapacitados e sem se adotar um pragmatismo inflexível, representam tais exames um formidável instrumento de proteção do homem contra os fatores adversos do trabalho.