Posts

O que é Hanseníase (Lepra), sintomas, tratamento e transmissão

O que é Hanseníase (Lepra), sintomas, tratamento e transmissão

O que é Hanseníase (Lepra), sintomas, tratamento e transmissão

O que é HANSENÍASE? LEPRA?

Hanseníase ou lepra, é uma doença infectocontagiosa causada pela bactéria Mycobacterium leprae, existe em 2 tipos. Ela afeta principalmente os nervos superficiais da pele e troncos nervosos periféricos (localizados na face, pescoço, terço médio do braço e abaixo do cotovelo e dos joelhos) e ocasiona a diminuição da sensibilidade da pele.

Se não tratada na forma inicial, a doença quase sempre evolui, tornando-se transmissível.

O que ela Hanseníase afeta?

Ela afeta principalmente os nervos superficiais da pele e troncos nervosos periféricos (localizados na face, pescoço, terço médio do braço e abaixo do cotovelo e dos joelhos) e ocasiona a diminuição da sensibilidade da pele. Se não tratada na forma inicial, a doença quase sempre evolui, tornando-se transmissível.

Pessoas de qualquer sexo ou idade podem contrair a doença. A evolução ocorre, em geral, de forma lenta e progressiva, podendo levar a incapacidades físicas. O período de incubação pode durar de seis meses a seis anos.

 

Como acontece a transmissão da Hanseníase?

  • Secreções das vias aéreas superiores;
  • Gotículas de saliva, ou seja, através do ar, tosse ou espirro.

 

Números da Hanseníase preocupantes…

Entre os anos de 2012 a 2016, foram diagnosticados cerca de 151.764 casos novos de hanseníase no Brasil, equivalendo a uma taxa média de detecção de 14,97 casos novos para cada 100 mil habitantes; desse total, cerca de 55,6% acometeram homens na idade produtiva.

Em 2017, o Brasil ocupou a segunda posição em número de casos novos de hanseníase, com 28.761, correspondendo a 13,6% do número de casos novos no mundo. A primeira posição está com a Índia, com 127.326 registros.

 

Quais são os sintomas da Hanseníase?

  • Manchas na pele de cor parda, esbranquiçadas ou eritematosas, às vezes pouco visíveis e com limites imprecisos;
  • Alteração da temperatura no local afetado pelas manchas;
  • Aparecimento de caroços ou inchaço nas partes mais frias do corpo, como orelhas, mãos e cotovelos;
  • Dormência em algumas regiões do corpo causada pelo comprometimento da enervação. A perda da sensibilidade local pode levar a feridas e à perda dos dedos ou de outras partes do organismo;
  • Comprometimento dos nervos periféricos;
  • Alteração da musculatura esquelética principalmente a das mãos, que resulta nas chamadas “mãos de garra”;
  • Infiltrações na face que caracterizam a face leonina característica da forma virchowiana da doença.

 

Tratamento da Hanseníase

Ambos os tipos (paucibacilar e multibacilar) são tratados com o antibiótico rifampicina, durante seis meses no tipo paucibacilar e um ano no tipo multibacilar. A medicação é fornecida gratuitamente pelo Ministério da Saúde e administrada em doses vigiadas nas Unidades Básicas de Saúde sob a supervisão de médicos ou enfermeiros de acordo com normas da OMS.

A rifampicina elimina 90% dos bacilos. Por isso, é necessário complementar o tratamento com outra droga (DDS), que pode ser tomada em casa diariamente, até o final do tratamento.

Nos casos multibacilares, esse tratamento é acrescido de uma dose diária e de outra vigiada de clofazimina.

 

Recomendações para o tratamento da Hanseníase

Não desista do tratamento, que é longo, mas eficaz se não for interrompido. A primeira dose do medicamento é quase uma garantia de que a doença não será mais transmitida;

Convença os familiares e pessoas próximas ao doente a procurarem uma Unidade Básica de Saúde para avaliação, quando for diagnosticado um caso de hanseníase na família;

Não fuja dos portadores de hanseníase, uma doença estigmatizante, mas que tem cura, desde que devidamente tratada.

 

O que é Hanseníase (Lepra), sintomas, tratamento e transmissão – Download Baixar

Clínica Medicina do Trabalho: Grupo MEDNET – PPRAPCMSO NR 7 – Programa de Controle Médico de Saúde OcupacionalCIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – NR 9 – NR 7 – Exame Admissional